fbpx
Case Accenture: a inovação nos ambientes corporativos

Milton Jungman, diretor da América Latina da Accenture, apresentou as soluções da Accenture

Foi-se o tempo que os escritórios corporativos são sinônimos de ambientes com uma mesa, computador e cadeira. Hoje em dia, tais ambientes estão cada vez mais dinâmicos, inspiradores e tecnológicos. É preciso reinventar o conceito para aguçar ainda mais engajamento dos colaboradores.

Nosso blog traz um pouco de como foi a palestra de Milton Jungman, diretor da América Latina da Accenture, durante o FM Debate — realizado no último dia 26 de abril, na sede da TOTVS, em Santana, São Paulo.

Em sua participação no evento que teve como tema “Diversidade: Espaços Colaborativos que promovem a equidade e a cocriação”, Milton começou falando sobre a importância do assunto.

O tema é bem interessante e a Accenture se transformou muito e, dessa experiência, o fator humano foi um desafio na implementação e transformação de novos ambientes”, revelou.

O palestrante continuou dizendo que a empresa em questão estimula a diversidade, apoiando a presença de mulheres para cargos de liderança. “Pesquisas apontam que a diversidade traz mais lucro para as empresas”, afirmou.

Segundo Milton, a empresa começou se renovar no ano 2000, quando saiu da crise das auditorias. “Ela vendia soluções para os clientes. Com o tempo, os clientes queriam também saber como implementar também as soluções. A transformação e inovação da empresa começou assim”.

O especialista ponderou o que a Accenture aposta como modelo de local ideal e segue como estratégia de negócios. Ele apresentou os seguintes tópicos:

  • Ênfase na tecnologia no ambiente;
  • Melhora o gerenciamento de custos;
  • Conduz o desempenho dos negócios;
  • Reduz os riscos;
  • Melhora o engajamento dos funcionários por meio de flexibilidade;
  • Cria soluções ambientalmente sustentáveis.

O especialista apresentou alguns modelos que estão em análise com soluções que estão sendo testadas em escritórios de Dublin, Buenos Aires e em São Paulo.

Um deles é um sistema inteligente que apresenta informações para auxiliar os colaboradores, seja com temperatura ambiente ou a localização das ferramentas no escritório. Outro caso é um aplicativo que é possível ser usado para reservar escritórios disponibilizados pela Accenture em qualquer lugar do mundo.

Apesar da tecnologia, são os desafios com as pessoas que prevalecem”, apontou Milton. Um case mostra espaços colaborativos que criaram uma disrupção no modelo tradicional. “A Accenture comprou empresas que haviam muitos millennials. Esse foi um grande desafio, pois ao remanejar o pessoal, os líderes da área não quiseram se mudar. Segundo eles, o perfil deles era incompatível com outras gerações. A questão se tornou global e esse perfil mais jovem ganhou um escritório próprio, moderno e até com mesa de chopp”, narrou.

Em outro caso, em Buenos Aires, Milton revelou que os líderes do prédio queriam um banheiro focado na diversidade, chamados de “all genres”. “Haviam pessoas da equipe que não concordavam com a questão, não era um desafio óbvio. Porém, outros levantaram questões sobre os banheiros na casa de qualquer individuo é misto, por que no escritório não seria?

Entre os desafios encontrados, um era fazer as cabines dentro do banheiros uma estrutura que oferecia ainda mais privacidade, com paredes mais reforçadas e maiores.

Outras questões foram levantadas durante o processo de implementação como a necessidade de uma sinalização mais assertiva, para não causar confusão para os desavisados”, ponderou.

Sobre a Accenture

Segundo Milton, a Accenture é uma empresa de prestação de serviços profissionais que começou fazendo consultoria e hoje tem como foco a tecnologia em ambientes corporativos. Fatura cerca de 35 bilhões de dólares, possui 440 mil funcionários em 53 países.

Os desafios dos Gestores de Facilities

Milton Jungman abordou a inovação necessária em ambientes corporativos

Em entrevista para o Blog da ABRAFAC, após o evento, Milton afirmou que a implementação de soluções é o maior desafio para o Gestor de Facilities quando se fala de diversidade. “O Gestor até pode ter ideias sobre ter uma equipe diversificada com gêneros e idades diferentes. Porém, o maior desafio não está na parte técnica, mas sim na questão humana. Soluções aparentemente simples, como a questão do banheiro ‘all genres’, que todos possuem em suas casas, esbarram nessas questões. A mudança na cabeça das pessoas é o grande desafio”, refletiu.

Para o Gestor de Facilities, o especialista aconselhou que não se deve esmorecer jamais. “Essa é uma área muito exigida e pouco reconhecida. O trabalho aparece quando problemas ocorrem, porém, por outro lado, é recompensador”, ponderou.

Participantes aprovaram o FM Debate

Mauro Jacometto, Consultor de Novos Negócios da Solar Ar Condicionado

Quem esteve presente no evento saiu mais inspirado ou com a certeza que suas empresas estão no caminho certo, principalmente após a dinâmica de Design Thinking, que você pode saber como foi aqui: Design Thinking: a criatividade na solução dos desafios da Gestão de Facilities. Outra palestra incrível foi a Inovação e a gestão de facilities: as lições de Victor Mirshawka Junior.

Para Mauro Jacometto, Consultor de Novos Negócios da Solar Ar Condicionado, FM Debate foi muito bom, pois oferece oportunidade de muitos negócios para os participantes. “A temática também foi muito legal e produtiva. A nossa empresa ainda não possui nada no sentido de diversidade, por isso, o evento foi tocante e inspirador”.

FM Tactics: “Transformação digital em facilities: O que está ocorrendo no mundo empresarial e o que vem por aí”

O próximo evento realizado pela ABRAFAC será o FM Tactics com o tema “Transformação digital em facilities: O que está ocorrendo no mundo empresarial e o que vem por aí”.

A área de Facilities enfrenta uma onda disruptiva emocionante em um momento em que podemos observar inovações fundamentais que afetam a vida das pessoas, seus empregos, espaços em torno deles, bem como tecnologias e utilidades de sua vida diária.

Veja como a equipe de Facilities Management do Banco Santander, com a ajuda de startups, tem conseguido impulsionar a inovação e atender as necessidades futuras dos negócios utilizando novas ferramentas e metodologias, reduzindo o prazo e custo das atividades.

Saiba mais informações e garanta sua vaga: http://bit.ly/FMTacticsMaio

Ivan Monteiro

Colunista do blog da ABRAFAC, Ivan Monteiro é jornalista com Pós-Graduação em Comunicação e Marketing em Mídias Digitais.
Fechar Menu
×

Carrinho