fbpx
Gestão de frotas: muito além do carro!

O que está em discussão nessa nova era sobre o papel do Gestor de Frota, ou será Gestor de Mobilidade? O intuito é provocar uma reflexão sobre as mudanças no comportamento de consumo do setor e gerar insights para adaptações ao que está por vir no segmento e a todo movimento atual em cima do tema mobilidade.

Leandro Miranda é Head de Produto e Desenvolvimento de Negócios na Movida Aluguel de Carros: Unidade de Negócios Movida Frotas

A discussão mais comum que tenho acompanhado sobre Gestão de Frotas, atualmente, é até onde vai a Gestão de Despesas com deslocamentos, e qual o novo papel do agora intitulado Gestor de Mobilidade. Parte desta discussão tenho até acompanhado nos Eventos MOVER Movida Frotas, promovido para levar conteúdo e boa discussão para o mercado e que traz um painel de discussão sobre modais de mobilidade: Muito Além do Carro.

Por algumas vezes, tanto na participação dos representantes no Painel, quanto na integração do público do evento, pude perceber o quanto esta discussão ainda precisa amadurecer e até o quanto não há consenso nos parâmetros que devem reger os limites desta nova era para o Gestor de Mobilidade.

É necessário refletir mesmo a fundo sobre este ponto, se por um lado o Mercado de Gestão e Terceirização de Frotas já está bem preparado para entregar ao contratante, principalmente, no Mercado de Facilities uma redução no custo comparado à frota própria, já que traz comodidade desde a gestão da aquisição até documentação, manutenção e sinistros e atendimento personalizado, por outro lado se o seu colaborador utilizar para um deslocamento motorista de aplicativos, táxi etc… Essa é uma conta que hoje, geralmente, não está sendo feita na ponta do lápis, e se está sendo feita é por poucos.

Outro ponto importante além do Modal Motoristas por Aplicativo, são modais mais alternativos, como Bike Elétrica, Trike (Triciclo Elétrico), entre outros, todos já oferecidos pelo mercado de locação, em que a Movida é pioneira neste movimento, tanto no investimento em novos modais, quanto em participação em plataformas multimodais, que permitem um usuário escolher desde a locação de um veículo da Movida, até o uso do transporte público.

A necessidade de amadurecimento do mercado é clara, inclusive os dados da ABLA mostram o quanto o setor, por exemplo de locação, cresceu de forma exponencial, enquanto em 13 anos (04-17) o tamanho da frota no Brasil cresceu 52%, no mesmo período, o número de veículos alugados cresceu 280%. Esse crescimento acelerado demonstra a clara necessidade do investimento desde a capacitação de condutores e gestores de frota, até investimento em alta tecnologia, digitalização dos negócios e plataformas de multimodalidades de mobilidade.

A boa notícia é que o mercado já assimilou isso. Em 2018, a Movida, por exemplo, fez um investimento e aportou mais de R$ 1 Milhão na startup de Bike Elétrica E-Moving, criando a marca I-Move para levar modais alternativos de mobilidade para pessoas e empresas. Outro fato que demonstra uma mudança clara de postura do mercado é o produto Carbon Free, que através do plantio de árvores permite a neutralização de CO2 emitido no ambiente pelo uso do carro, que a Movida já possui há mais de 10 anos como programa e acaba de estender para o mercado corporativo na terceirização de frotas.

Quem estiver totalmente fora desta discussão sobre o novo Gestor de Mobilidade, qual seu papel, quais os limites da sua gestão e não estiver participando desta mudança puramente operacional para um papel tático e estratégico, terá sérias dificuldades de se encaixar depois que essa revolução passar.

Motoristas por aplicativo já são um fato, não uma previsão. Idem a locação de veículos, em que inclusive as pessoas estão procurando cada vez mais os alugueis como pessoa física e fugindo da aquisição do carro; fora as opções de bike, patinete, entre outras, que tomaram conta de megalópoles como São Paulo e caíram no gosto dos paulistanos cansados do trânsito cotidiano. Sem falar do avanço tecnológico em plataformas e aplicativos que surgem todos os dias baseados em resolver dores e necessidades dos consumidores de todo e qualquer tipo de mercado.

Gestão de Frotas muito além do carro passa, então hoje, neste atual gestor de mobilidade como uma parte de sua responsabilidade. E é isso que vejo sendo discutido todos os dias: a troca de um papel de olhar para o custo, despesas, preço, para um olhar responsável pelo bem estar das pessoas, do meio ambiente, antenado na tecnologia e nas mudanças de comportamento, mais preocupado com as customizações necessárias para o seu negócio, interessado na comodidade e conveniência que os serviços possam proporcionar, ou seja, muito mais preocupado com valor, experiência e qualidade dos seus parceiros e fornecedores.

E com a chegada dos Millenials e da Geração Z no mercado corporativo, é esperado que este conceito no segmento de mobilidade cada vez tome mais força. É preciso avaliar o conceito de gestor de mobilidade, gestor além do carro, empresas que oferecem além do carro, por que o mundo já se preocupa com os efeitos dele no meio ambiente e meio social.

Segundo o Ministério da Saúde, em 2016 foram registradas mais de 37 mil mortes de trânsito, e se preocupar com isso passa por modais de transporte alternativos, mobilidade na palma da mão e um trabalho extenso na quebra de paradigmas das corporações, que, por anos, estiveram mais preocupados com custos do que com valor real das coisas e bem-estar das pessoas.

Nessa toada de mudanças no comportamento social, das corporações e do próprio indivíduo, te convido a pensar como gestor hoje na sua companhia: seja de atividades e negócios, seja de pessoas. Como você tem se preparado para essas mudanças? Como acha que o mercado pode te ajudar? Não deixe de refletir sobre essas mudanças e quais as adaptações você precisa fazer para estar pronto para esse novo mundo que já chegou. Não se engane achando que estamos falando de futuro. Você é parte disso!


Leandro Miranda é Head de Produto e Desenvolvimento de Negócios na Movida Aluguel de Carros: Unidade de Negócios Movida Frotas. Formado em Administração de Empresas pela Universidade Cruzeiro do Sul, especializado em Negócios B2B e Marketing de Serviços pela FGV, Estatísticas de Marketing pela ESPM e Service Startup pela Hive Lab. Possui ampla experiência no segmento de Serviços, com atuação na indústria de Fast Food, segmento de Seguros e mais de 10 anos dedicado a serviços de Meio de Pagamento e Gestão de Frotas, atuando em empresas como Pamcary, Ticket e Ticket Log do Grupo Edenred e, atualmente, na Movida Aluguel Carros.


SEJA UM ASSOCIADO ABRAFAC E TENHA ACESSO EXCLUSIVO AO
CONTEÚDO DA BIBLIOTECA E AOS EVENTOS ABRAFAC.
CLIQUE AQUI E ASSOCIE-SE!

Fechar Menu
×

Carrinho