Guia: como otimizar processos na Gestão de Facilities

Veja algumas dicas essenciais para ampliar a qualidade dos serviços

Segurança, conforto, higiene e infraestrutura. Essas são as bases para que um empreendimento se mantenha estratégico no mercado. Não importa se é um hospital, prédio comercial ou instituição pública. Toda a estrutura que há por trás de grandes projetos, precisa de uma gestão eficiente.

A complexidade de se manter grandes empreendimentos em pleno funcionamento requer uma experiência de profissionais visionários, que encontrem nas necessidades, oportunidades de ir além de apenas resolver. Muitas questões que surgem em uma gestão podem oferecer novas formas de se fazer o serviço e evitar consequências futuras.

A manutenção preventiva, por exemplo, que é na maioria das vezes deixada de lado, desencadeia uma rotina de “apagar incêndios”. Isso faz com que desperdicem tempo e energia apenas resolvendo os problemas que aparecem.

Pensando nisso, preparamos um guia especial para otimizar processos básicos da Gestão de Facilities. Confira:

Terceirize setores

Manter funcionários responsáveis por cada item de manutenção, limpeza, reformas, tecnologia e informação, é um tanto complexo. Por isso, uma boa escolha do Gestor de Facilities pode ser optar pela terceirização.

Ao fazer isso, o Gestor está contratando empresas especializadas nesses serviços, o que faz a gestão ser mais simples e ágil na hora de se buscar soluções. Uma dica é buscar por empresas que compartilhem as mesmas visões e valores da instituição.

Planejamento

Essa questão é básica em qualquer setor ou profissão. Boa parte do sucesso de uma empresa depende do planejamento, e isso também envolve a gestão de facilities. Sem planejamento, é bem possível que o Gestor fique apenas atrás de apagar incêndios, deixando o trabalho aquém na qualidade.

O planejamento ideal passa por algumas fases:

  • estratégia (definição do resultado esperado com determinada ação);
  • tática (como será feito);
  • operação (colocar em prática);
  • manutenção (ciclo de vida de produtos e serviços);
  • modernização (evolução e busca de melhorias).

Treine a equipe

Oferecer treinamento é uma das melhores formas de alinhar a equipe e evitar retrabalho ou problemas graves. Apesar de alguns gestores de facilities acreditarem que eles são caros e desperdícios de tempo, os treinamentos deixam a equipe mais produtiva e o dinheiro gasto, logo se torna um investimento.

Por isso, firme parcerias com as empresas que prestam serviços também na parte de preparo de pessoal. Isso pode ser muito importante para o alinhamento de metas e expectativas.

——————————

O papel do profissional de facilities de fato contribui para locar um prédio comercial na contramão do mercado?

Essa é a pergunta que será respondida no FM Tactics, uma série de programas virtuais promovidos pela ABRAFAC, onde profissionais e empresas do mercado de Facilities compartilham com a comunidade em geral melhores práticas, novos produtos e casos de inovação dentro de nosso segmento.

Na ocasião, será apresentado um case onde a redução dos custos com gestão atuante permitiu investimentos no empreendimento, o tornando mais atrativo ao mercado.

Início do evento: 8 de Fevereiro de 2018 às 10:00–11:00

Saiba mais informações e garanta sua vaga: https://goo.gl/nCbx6Q

Fechar Menu
×

Carrinho