CEO mundial da ISS apresenta visão da empresa para 2020

Na última semana de março, o Vice-Presidente da ABRAFAC, Mauro Campos, conheceu a Visão 2020 da ISS Service System, que foi apresentada pelo CEO Mundial da empresa, Jeff Gravenhorst, em um café da manhã, em São Paulo.

Jeff Gravenhorst, CEO Mundial da ISS, com Mauro Campos.

Jeff Gravenhorst, CEO Mundial da ISS, com Mauro Campos.

Segundo Mauro, o material foi produzido pela ISS em 2011 e traz tendências e cenários que podem ajudar a formatar uma linha de pensamento sobre o futuro da indústria de FM.

Além do CEO Mundial, o evento contou com as presenças do novo CEO do Brasil, Finn Egholm, e do CEO ISS Iberia e América Latina, Luís Andrade. Confira, a seguir, as entrevistas exclusivas com Gravenhorst e Egholm para a ABRAFAC.

A ABRAFAC é uma jovem associação de Facilities Management no Brasil, temos apenas sete anos. Você acha importante a existência de uma associação brasileira?

Luis Andrade, CEO América Latina, Mauro Campos e Finn Egholm, CEO Brasil.

Luis Andrade, CEO América Latina, Mauro Campos e Finn Egholm, CEO Brasil.

Jeff GravenhorstSim, é uma coisa muito importante. Existem tantas incompreensões sobre o que é Facilities Management que, somente em torno de uma associação, vamos resolver isso e as pessoas prestarão atenção em nós. Do ponto de vista da lei laboral, têm pessoas que acreditam que não fazemos a coisa certa com a terceirização, quando é o oposto, é uma questão de eficiência, de sustentabilidade. Eu penso que o que podemos fazer juntos, mercado e associação, é nos juntar para pensarmos nas coisas boas que podem ser feitas dentro do Facilities Management. Isso é extremamente importante, porque podemos ir até os políticos, tem uma audiência maior e explicar que esse é um jeito sustentável e, assim, criar oportunidades de carreira para nossos trabalhadores. Este é o propósito de uma associação, este é o valor agregado para a sociedade e deve ocorrer em uma perspectiva global e local.

 

 

Jeff Gravenhorst

Jeff Gravenhorst

 

Você acredita na indústria de FM no Brasil?

Jeff Não sou expert sobre o Brasil, mas vou tentar responder. A ISS está tendo sucesso, um bom crescimento como companhia, mas eu vejo a necessidade de uma reforma nas leis trabalhistas maior do que vejo em outros países e que beneficiarão a sociedade. Nós temos que ter bons argumentos, usar as associações de FM, nos aproximar dos sindicatos e, então, algum dia eles nos ouvirão.

 

Imagine agora que você está no Congresso da ABRAFAC, em frente ao público. O que você gostaria de dizer para eles?

Jeff Eu continuaria no mesmo tom. A indústria de FM é muito, muito importante para o futuro e esse futuro é brilhante. Não há dúvidas sobre isso, mas eu também acredito que é extremamente importante permanecermos juntos e começar a fazer lobby sobre as coisas corretas. Não é sobre conseguir benefícios bons, mas não necessários ou qualquer tipo de subsídio ou algo parecido do governo. É sobre fazer as pessoas entenderem que o que fazemos é um benefício sustentável para toda sociedade. Continuem fazendo as coisas boas que vocês fazem e até melhor!

A seguir, entrevista com Finn Egholm, o novo CEO da ISS para o Brasil.

 

Você já conhece o Brasil e outras oportunidades e, agora, voltou como CEO. O que a ISS espera do mercado de facilities do Brasil?

Finn EgholmDurante a exposição da Visão 2020, o nosso presidente falou o que esperamos do mundo e qual o objetivo da ISS. Nós estamos no Brasil para crescer também em áreas que, hoje, estão fora do nosso escopo atual. Temos dentro do que chamamos “A casa de serviços das ISS”, cinco pilares. Três já são conhecidos por vocês aqui do Brasil, mas faltam dois: Segurança e Catering. Essas duas áreas estão dentro da nossa estratégia global até 2014, ou seja, estamos prontos para fazer investimentos. Acreditamos cegamente no potencial do Brasil, com essas ressalvas de cautela que nosso presidente apontou, as leis trabalhistas.

Conhecendo o FM no mundo, como você compara com o FM no Brasil?

Finn Egholm

Finn Egholm

Finn Eu vejo acontecer uma valorização do FM, melhor compreensão do mercado e é uma tendência. Vamos estar aqui para atender essa crescente demanda. Temos fé no setor e que todos acreditem, porque nós da ISS acreditamos. É muito importante que a ABRAFAC continue incentivando o Facilities Management no Brasil e nós vamos estar também incentivando todo o mercado.

 

Fechar Menu
×

Carrinho