fbpx
Novo E-book: FM como agente de mudança digital

A digitalização apresenta o gerenciamento de facilities (FM) com enormes desafios, mas oportunidades ainda maiores, que é a mensagem essencial deste E-book sobre Digitalização Estruturada em FM. Confira o prefácio do E-book em português e se você é associado ABRAFAC já pode baixar gratuitamente a versão em inglês em nossa biblioteca. Quer se associado: Clique aqui.

Um desafio é que o FM consiste de um portfólio de tarefas muito amplo, o que dificulta acomodar tudo o que está dentro do portfólio do edifício − do interior dos escritórios, à cantina, à recepção e ao clima interno − em uma única plataforma digital. Isso é ainda mais complicado porque a digitalização exige que processos de trabalho padronizados sejam cuidadosamente planejados e descritos.

Por outro lado, a digitalização com big data, a Internet das Coisas (IoT), a robótica, etc., dão ao FM oportunidades fantásticas de se integrar mais estrategicamente ao negócio principal e ao potencial para desenvolver e documentar sua participação na criação do valor total da empresa.

Foi por estas razões que a rede DFM (uma rede de FMs da Dinamarca), na primavera de 2017, criou um comitê de digitalização, que rapidamente concluiu que o FM é duplamente afetado pela digitalização:

“Devemos ver as oportunidades e os desafios que a digitalização proporciona no campo de trabalho do FM e devemos entender as mudanças que a digitalização cria no negócio principal. O que acontece com o nosso core business pode variar em gravidade, mas para a grande maioria das pessoas, ao longo de vários anos, a transformação é tão grande que também muda os critérios de sucesso para o FM”.

Nosso trabalho é baseado nos cinco dedos clássicos do FM1, mas com um capítulo adicional sobre sustentabilidade, em vez de integrá-lo aos capítulos individuais.

Os cinco dedos clássicos do FM:

  • Os edifícios certos nos lugares certos − portfólio de edifícios
  • O uso correto de facilities e de edifícios – gerenciamento de espaço
  • A operação e a manutenção corretas
  • O correto serviço organizacional
  • Os corretos gerenciamento, organização e modelo de negócios

O comitê de digitalização da rede DFM é composto por Kim Jacobsen (presidente), K Jacobsen Ltd., Trine Thorn, Nordea, Ebbesen Poul, Rambøll, Ulrik Mathisen, Tivoli, Mads Ubbe Beier, Grupo Compass, Nikolai Randal Petersen, RegionH, Mogens B. Andersen, DAB e Svend Bie, rede DFM.

O grupo de autores é constituído por Poul Ebbesen, Rambøll, Gitte Andersen, Signal Architects, Lau Melchiorsen, Collier, Trine Thorn, Nordea, Kirsten Ramskov Galamba, DTU e Anders Mussmann, EY. Os autores individuais são brevemente descritos no início de seus respectivos capítulos.

O projeto de digitalização da DFM Network inclui − além deste e-book − conferências, reuniões de membros e redes de experiência, que podem ser encontrados online. Todo o projeto é financiado pela Realdania.

CLIQUE AQUI PARA BAIXE O E-BOOK EM NOSSA BIBLIOTECA² 

1 Os clássicos cinco dedos do FM são descritos em ”Facilities Management Manual” por Per Anker Jensen
² Exclusivo para associados ABRAFAC. 

Fechar Menu
×

Carrinho