Perfil ABRAFAC: Marcia Ferrari, diretora de Certificação 

Arquiteta e urbanista formada pela FAU-USP possui mais de 20 anos de carreira.

A Diretoria de Certificação da Associação Brasileira de Facility Management, Property e Workplace – ABRAFAC está nas mãos de Marcia Ferrari. A diretora é arquiteta e urbanista formada pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo – FAU-USP e possui mais de 20 anos de carreira.

Marcia explica que a certificação é essencial para o setor porque algumas atividades profissionais não têm correlação direta com os cursos de graduação existentes. De modo geral são carreiras bastante específicas, mas que exigem muito conhecimento para obter bons resultados.

“A certificação ABRAFAC dará o reconhecimento merecido a estes profissionais pela comprovação de seus conhecimentos e das práticas relacionadas as competências pré-estabelecidas como sendo essenciais para correta execução da função. Ao mesmo tempo, a certificação ABRAFAC permitirá aos contratantes identificarem com rapidez e transparência quem são os profissionais qualificados em FM, Property e Workplace”, detalha Marcia.

Confira abaixo a entrevista com a diretora de certificação. A publicação integra a série Perfil ABRAFAC 2ª edição, que teve início em 2020 com o objetivo de homenagear os membros que fazem parte da história de sucesso da Associação.

Portal ABRAFAC – Qual a importância da certificação para o mercado de Facility Management, Property e Workplace?  

Marcia Ferrari – Algumas atividades profissionais não têm correlação direta com os cursos de graduação existentes. De modo geral são carreiras bastante específicas, mas que exigem muito conhecimento para obter bons resultados. A certificação ABRAFAC dará o reconhecimento merecido a estes profissionais pela comprovação de seus conhecimentos e das práticas relacionadas as competências pré-estabelecidas como sendo essenciais para correta execução da função. Ao mesmo tempo, a certificação ABRAFAC permitirá aos contratantes identificarem com rapidez e transparência quem são os profissionais qualificados em FM, Property e Workplace.

Portal ABRAFAC – Atualmente, quais são os principais desafios com relação à certificação para estes setores?

Marcia Ferrari – A implementação do projeto em si não deverá apresentar grandes desafios, pois confio na ABRAFAC e na capacidade de toda equipe. De qualquer forma, sabemos que o “novo” impacta as pessoas de formas diferentes. Certamente teremos aqueles que rapidamente entenderão o benefício para sociedade em trazer o profissionalismo e o reconhecimento a essas atividades, mas também é possível que algumas pessoas pensem “quem mexeu no meu queijo”.

Portal ABRAFAC – Como é possível superar estes desafios? 

Marcia Ferrari – O reconhecimento da certificação ABRAFAC pelos principais players será essencial neste processo.

Portal ABRAFAC – Atualmente, quais são as principais normas para estas áreas? 

Marcia Ferrari – A ABNT é quem define as normas para o mercado brasileiro, certamente nosso processo estará alinhado com ela.

Portal ABRAFAC – Como você avalia o processo de certificação das empresas de Facility Management, Property e Workplace? 

Marcia Ferrari – A série ISO 41001 é o padrão internacional para certificação de empresas do setor e tem evoluído a passos largos nos últimos anos.

Portal ABRAFAC – Como é sua rotina de trabalho como diretora de certificação da ABRAFAC? 

Marcia Ferrari – Nosso grupo de trabalho determinou no início do ano um planejamento claro e consistente para o desenvolvimento da certificação. Toda semana eu, a Regina Umetsu, o Frederico Behmer e o Paulo Antonioli nos encontramos para avançar com a agenda. É importante que todos os passos sejam devidamente explorados e cumpridos, desta forma estamos avançando da forma correta, sem atropelos e com muita discussão.

Portal ABRAFAC – Qual sua formação acadêmica e em quais empresas trabalhou ao longo de sua carreira?  

Marcia Ferrari – Sou arquiteta e urbanista formada pela FAU-USP, tenho pós-graduação marketing pela ESPM, um MBA na Business School SP com extensão na Toronto University. Atuo como Diretora Senior no GRI Club cobrindo o segmento de Infraestrutura na América Latina.

Tenho mais de 20 anos de carreira em conglomerados globais relevantes do mercado de imobiliário e infraestrutura, como o Royal Institution of Chartered Surveyors – RICS, a Hilti e a Cushman & Wakefield, com atuação em desenvolvimento de negócios e gerenciamento operacional. Exerço atividades voluntárias como diretora Certificação da ABRAFAC, sou diretora cofundadora do Infra Women Brazil –IWB e sou membro do conselho do Instituto para Reforma das Relações entre Estado e Empresa –IREE.

Portal ABRAFAC – Como você chegou ao setor de Facility Management, Property e Workplace? 

Marcia Ferrari – De forma totalmente casual. Eu trabalhava no grupo Semco, do Ricardo Semler, onde fui contratada para desenvolvimento de uma startup relacionada a tecnologia. Esta empresa foi comprada depois de um tempo nos Estados Unidos e acabei indo parar na Cushman & Wakefield. Lá tive a felicidade de trabalhar com a Celina Antunes, profissional competentíssima e uma inspiração eterna.

Portal ABRAFAC – Quais foram os principais aprendizados que você adquiriu no GRI Club e como eles contribuem para sua atuação na ABRAFAC? 

Marcia Ferrari – O GRI é uma empresa ágil e muito atenta para entregar, aos seus membros, conteúdo e serviços relevantes para realização de negócios. Também é um lugar onde a diversidade e a inclusão não são só um slogan, mas sim algo que de fato se respeita e flui naturalmente. Além do foco nas pessoas, que já mencionei, o GRI tem muita tecnologia para ajudar membros e staff a atingir objetivos.

Portal ABRAFAC – Que lições você aprendeu em sua atuação na RICS e de que forma contribuem para sua carreira atualmente? 

Marcia Ferrari – Na RICS tive a oportunidade de entender como todas as profissões do ambiente construído interagem entre si e se desenvolvem no mundo. Também pude olhar nosso país de fora para dentro, o que me permite valorizar ainda mais nossos profissionais e ter a certeza da nossa capacidade como indivíduos e como sociedade.