fbpx
Premiados Global FM 2014

Um momento bastante aguardado nas edições brasileiras do FM Day é o anúncio dos ganhadores da premiação internacional da Global FM. Afinal, como associada à entidade, a ABRAFAC participa do prêmio, assim como de vários fóruns por ela promovidos. Além disso, a expectativa fica ainda maior porque o Brasil subiu ao pódio em todas as últimas edições, com trabalhos classificados entre os três melhores.

 

Mauro Campos lembrou que cada uma das 16 associações filiadas à Global FM tem direito a inscrever três trabalhos e que, desde 2010, a Associação Brasileira tem participado com os selecionados entre os ganhadores do Prêmio ABRAFAC Melhores do Ano e tem sido sempre bem sucedida, ficando com ótimas colocações.

 

Para a edição 2014, foram inscritos os seguintes trabalhos:

 

•    “Sustentabilidade”, de Gustavo Bueno Gomes;

 

•   “Medição Individualizada de Água”, de autoria de Rogério Campos e Eduardo Santos, da Hines Gerenciamento de Propriedades;

 

•    “Inovações Ambientais no Edifício City Tower”, de Christiane Durante, da JLL.

 

Como membro da comissão julgadora, posso dizer que a repercussão deste prêmio internacional vem crescendo a cada ano, tornando a disputa cada vez mais acirrada, dando visibilidade e reconhecimento merecidos ao Facility Management. Este ano, o nível dos trabalhos estava muito alto, com a inscrição de cases de grandes multinacionais e de governos. Posso garantir que os brasileiros estiveram muito bem colocados. No entanto, não foram classificados entre os três primeiros”, informou.

 

Em seguida, divulgou os vencedores, falando um pouco sobre cada um dos trabalhos:

 

1º lugar – Platinum – Deborah Rowland, BIFM

 

Foi apresentada a criação de uma estratégia de FM para reduzir o déficit público do governo do Reino Unido, provando que o Facility Manager é muito importante para atingir eficiência em custos dentro do setor público. Trabalhando em estreita colaboração com o governo central e seus interessados, foi desenvolvido um modelo de contrato de FM que agora está no processo de compras, o que proporcionará transparência dos gastos e do desempenho dos fornecedores, consistência nos padrões e transformará o governo em um cliente mais inteligente.

 

2º lugar – Gold – Greg Wood, Washington County Sustainable Cleaning Program, IFMA

 

O município de Washington, Minesota, construiu um espaço público com aproximadamente 35 mil m2, consolidando 100 mil m2, em que operavam várias repartições, como penitenciária, cortes judiciais, escritórios, biblioteca e manutenção de veículos oficiais. O grande desafio para racionalizar custos foi passar a limpeza do período noturno para o diurno, cortando gastos com calefação e iluminação. Foi adotado também o uso de produtos verdes e reduzido o número de itens utilizados. Os ganhos foram incríveis, tanto na questão ambiental, quanto na motivação das pessoas, que passaram a se sentir “vivas”.

 

3º lugar – Silver – Segurança AXA France, ARSEG

 

Líder no mercado de seguros, a AXA queria ser um exemplo em termos de responsabilidade social corporativa. Como resposta ao desafio, adotou o Energycom, software de gestão de energia. O objetivo era envolver todos os usuários no uso racional e na gestão do consumo. Para tanto, associaram a gestão de Facilities à teoria pedagógica, para que não ficassem somente no campo técnico. Criado como ferramenta para organizar o processo ganha-ganha, o software possibilitou a visualização dos dados de forma imediata e, de forma dinâmica, permitiu a visualização do comportamento do edifício e dos usuários. 

Fechar Menu
×

Carrinho